Como-o-Bloco-K-afeta-a-rotina-de-contadores

Uma mudança na rotina das empresas e, mais especificamente, na rotina dos profissionais de contabilidade, está relacionada à inclusão de um controle adicional para os inventários, que é o Bloco K do SPED Fiscal. Ele demandará mais controle por parte da empresa, fazendo aumentar ainda mais a importância do contador para elas. Neste post, veremos os impactos da inclusão do Bloco K na rotina das empresas e, de maneira mais direcionada, na rotina dos contadores delas.

Inclusão de controles mais precisos e eficazes

Caso o sistema de informações da empresa já exista, ele deverá ser completamente revisto. Se ele ainda não for atuante, esta é uma ótima hora para a empresa pensar em aderir a um sistema de gerenciamento de operações que atue como um centralizador de dados e de registros.

Como o Bloco K é direcionado ao controle dos estoques de matéria-prima e de insumos para a produção, além do que é produzido por terceiros, até as perdas no processo produtivo deverão ser consideradas e controladas pelos funcionários. Esse redirecionamento de prioridades deve ser previamente compreendido por todos os níveis hierárquicos de sua empresa.

Necessidade de alteração da rotina

Se anteriormente apenas se registrava a entrada de estoques junto à área de inventários, sem a necessidade de muito controle adicional, a partir do início de 2016 será necessário que todos esses registros relacionados aos estoques sejam feitos diretamente no sistema que realizará a comunicação com os órgãos governamentais via SPED Fiscal.

Se seus funcionários ainda não estiverem preparados para esse tipo de mudança, sua empresa não pode mais perder tempo se arriscando a não atender a uma demanda obrigatória de apresentação de informações.

Uma nova realidade nas empresas trazida pelo Bloco K

Desde que a moeda brasileira atingiu certo nível de estabilidade, há mais de 2 décadas, a importância dos números de uma empresa aumentou. O que antes era inviabilizado pela gigantesca inflação passou a ser analisado de forma diferenciada: por meio das demonstrações contábeis.

Com toda certeza, o profissional que melhor pode fazer a leitura e a análise de um conjunto de demonstrações contábeis de qualquer empresa é o contador. Desde o início de sua formação, ele é preparado para responder pelas operações e finanças de uma empresa, sendo muito mais que um coadjuvante no cenário decisório.

Nos últimos anos, a importância do contador para as empresas tem aumentado, apresentando-se como um profissional não somente responsável pelo recolhimento correto dos valores relacionados a impostos, mas também por ajudar diretamente a alta cúpula das empresas com importantes informações financeiras e estratégicas.

O Bloco K trouxe uma nova obrigação, mas também pode ser uma oportunidade de adequação dos controles a uma nova realidade, que é a da geração de informações de qualidade. Não se trata de ter uma estrutura informacional perfeita, mas de evitar os erros ao máximo. Nesse sentido, a importância do contador é grande, já que ele entende como poucos a estrutura financeira das empresas.

Sua empresa já se preparou para o Bloco K e já identificou como ele afetará sua rotina? E em relação à rotina dos contadores de sua empresa, já está tudo preparado? Se seus sistemas ainda não estão todos prontos, a Synchro pode te ajudar com uma ferramenta que integra todas as áreas. Entre em contato conosco e saiba mais!

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s