4-impactos-de-uma-solução-no-controle-fiscal-e-tributário-11

Documents on desk

O resultado de se aplicar a ferramenta certa para o propósito específico rende resultados tão evidentes quanto difíceis de questionar. Muito do crescimento de uma empresa está relacionado ao efetivo controle fiscal e tributário, por isso é fundamental investir em ferramentas que aprimorem esses processos, tornando a estrutura mais automatizada e enxuta.

Soluções fiscais e tributárias baseadas em tecnologia permitem não só que custos sejam reduzidos, mas também diminuem os riscos fiscais aos quais uma empresa pode estar exposta quando negligencia ou simplesmente não alcança o controle que é necessário para lidar com esses aspectos. Veja 4 impactos que a adoção de uma solução pode exercer no controle fiscal e tributário da empresa:

Relatórios mais confiáveis, análises mais conclusivas

Regras e padrões para a apuração e registro de créditos referentes a impostos fazem com que essas rotinas tornem-se mais dinâmicas e automatizadas. O simples fato de ter um padrão de classificação e organização para um tipo de dado permite que ele seja inserido no sistema com mínimas possibilidades de erro ou equívocos.

Agora, imagine dar esse mesmo tipo de tratamento a todos os dados tributários inseridos a um sistema informatizado: conquista de relatórios sólidos confiáveis que, por sua vez, permitem que sejam feitas análises ainda mais conclusivas, colaborando bastante para a tomada de decisão dentro dos gestores da empresa.

Centralização do cálculo tributário: mais eficiência

Centralizar o cálculo tributário é unificar procedimentos. Muitas vezes uma organização opera em diferentes canais de venda e, em razão disso, acabam existindo parâmetros diferentes para lidar com os tributos.

Não ter um procedimento padrão emperra a estrutura e facilita a desorganização. Para ganhar performance, o melhor é que a empresa adote um modelo unificado para lidar com os tributos e aposte no treinamento dos profissionais, implementando um padrão para o manuseio dos dados. Assim se conquista mais eficiência, mais agilidade no tratamento da informação a ser organizada sistematicamente pelo software.

Organização na entrega de dados ao Governo: menos erros, falhas e penalizações

A novidade que representa um verdadeiro desafio para as empresas neste ano de 2015 é a Escrituração Contábil Fiscal (ECF). Esse é um exemplo perfeito para refletir sobre o impacto que uma solução para controle fiscal e tributário tem sobre a empresa.

Sabemos que a entrega das informações exigidas no procedimento da ECF é uma tarefa a ser feita com atenção e cuidado, afinal envolve um grande volume de dados. Ausência de informações ou falhas na entrega vão implicar em penalidades que se refletem em multas.

Quando se adota uma solução tecnológica, a complexidade com que é vista essa obrigação fiscal é reduzida, pois os profissionais que tratam da contabilidade estão habituados à manipulação digital dos dados e sabem onde encontrá-los no sistema. Apesar de toda cautela necessária ao lidar com entregas ao fisco, a empresa que já organiza essas informações sistematicamente e de maneira padronizada, pode recorrer a consultas de dados com facilidade, revendo operações contábeis e certificando-se de que entrega à Receita Federal aquilo que é exigido; é mais curto o caminho para declarar informações sem falhas.

Proficiência em procedimentos digitais

A tecnologia não só tem se tornado necessária como também acessível. A difusão de sistemas de gestão que funcionam a partir da nuvem deixa claro que investir em soluções tecnológicas já não implica altos custos e é requisito de competitividade.

Adotar uma solução para controle fiscal e tributário é apostar na eficiência dos processos intermediados pela tecnologia. O resultado disso é ter incorporado à empresa o manuseio tecnológico das informações como parte da rotina, com padrões sólidos implementados e torná-la apta a lidar com a rigorosidade dos sistemas de fiscalização.

Os avanços tecnológicos aprimoram também os mecanismos de controle dos órgãos fiscalizadores, estar adaptado aos mecanismos é condição para a sobrevivência no mercado, afinal a tendência é que, no futuro, as apurações fiscais tornem-se ainda mais rigorosas, cruzando dados para apurar o cumprimento das obrigações tributárias e fiscais exigidas às organizações.

Tem dúvidas sobre os impactos de uma solução para controle fiscal ou tributário dentro da empresas? Deixe um comentário, participe!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s